São José, nosso pai e santo protetor

Olá a todos!
Eis a ideia para vocês refletirem ao longo da semana: “São José, nosso pai e santo protetor”.

Como hoje, dia 19 de março, é festa de São José, pensei em falar sobre ele, que é o nosso pai.

A igreja nos ensina que todos nós pertencemos à Sagrada Família, que é a família constituída por Jesus, Maria e José, onde São José é nosso pai, Nossa Senhora é nossa mãe e Jesus é nosso irmão mais velho.

Nesta família, um é mais santo do que o outro. Jesus, nem é preciso dizer, é simplesmente a segunda Pessoa da Santíssima Trindade. Depois Maria é simplesmente a criatura mais perfeita que saiu das mãos de Deus. E, por fim, São José é a segunda criatura mais perfeita que saiu das mãos de Deus, pois teve como missão ser pai do Menino Jesus e chefe da Sagrada Família.

Veja o que alguns santos e fiéis falam sobre São José:

Alguns santos receberam o privilégio de nos proteger em casos particulares. A São José foi conferido o encargo de nos socorrer em todas as necessidades e em qualquer negócio, de defender, proteger e amparar, com perene benevolência, todos os que a ele recorrem (São Tomás de Aquino).

Os pedidos de São José são considerados por nosso Senhor como ordens, porque o pedido de um pai a seu filho tem valor de ordem
(Gerson).

São José pode tudo diante de Deus
(Santa Teresa).

Não me lembro de ter pedido alguma graça a São José que ele não me tenha alcançado (Santa Teresa).

Como os pedidos de São José são ordens para Jesus, são milhares e milhares as graças alcançadas através da sua intercessão. Veja esta graça, por exemplo:

A caneta de São José

A Congregação das Irmãs da Caridade de Nova York estava em dificuldades para manter o grande número de crianças órfãs internas. Solicitaram então ao governo uma subvenção para as despesas da casa. Essa subvenção dependia da aprovação do Senado, constituído em grande parte por não católicos. A Superiora em tão aflitiva situação dirige-se a São José e lhe pede a solução do caso e confiadamente coloca nas mãos da imagem de São José uma caneta, dizendo: “Aqui ficará nas vossas mãos, São José, esta caneta até que o projeto seja assinado”. E assim se passou um mês. Numa tarde, as religiosas ouviram o barulho da caneta que tombou no assoalho. A Superiora foi buscá-la radiante e disse: “São José nos ouviu”. E, de fato, uma hora depois chegou um telegrama informando a aprovação da lei. Agradeceram a São José e lhe consagraram maior devoção.

Uma história impressionante sobre São José é a que aconteceu na cidade de Santa Fé, nos Estados Unidos. Na segunda metade do século XIX foi construída uma capela para a irmãs de Loretto com um coro na parte superior, mas sem acesso a ele, pois tinha uma função meramente decorativa. Passados uns anos, as irmãs quiseram construir uma escada para ter acesso ao coro. Depois de consultar muitos carpinteiros e arquitetos, todos diziam que era muito difícil construí-la pelas dimensões da capela. Resolveram fazer uma novena a São José e no nono dia apareceu um senhor se oferecendo para construí-la. Vejam neste vídeo o que aconteceu:
https://www.youtube.com/watch?v=fRIpni1juDk

Que a consciência de que São José é nosso pai e a consciência do seu poder, por ser pai de Jesus, nos leve a termos um carinho cada vez maior a São José e a recorrermos mais vezes a este pai tão querido.

Uma santa semana a todos!

Padre Paulo